Ir para o conteúdo

Conteúdo principal

Portas Abertas: BAQUE - Contorno do Gosto

Gaya de Medeiros

ALKANARA - Portas Abertas: BAQUE - Contorno do Gosto - ©José Fernandes
@ José Fernandes
  • 31.07 2022
  • Espaço Alkantara
  • 19h
  • M/12
  • ENTRADA LIVRE, POR ORDEM DE CHEGADA, A PARTIR DAS 18h30.

Ao longo do mês de julho, Gaya de Medeiros ocupa o estúdio do Espaço Alkantara com a primeira residência de criação do projeto BAQUE - Contorno do Gosto. Dia 31 de julho abrimos portas para um momento público de partilha de processo.

Em BAQUE - Contorno do Gosto um coletivo de corpos trans em celebração, num ritual de afetos e fábulas, experimenta uma utopia em que nossos corpos são iguais e que já não existe nem gênero, nem raça, nem quaisquer outros marcadores que nos diferenciem. Diante disso, este coletivo propõe-se a (re)narrar o mundo e as relações que nos conectam com a existência: falar de tudo o que vibra na vida e de tudo que faz parar de vibrar nela. Um espetáculo-concerto que busca responder à pergunta: e se o meu corpo não viesse antes de mim, eu falaria sobre o quê?

Ficha Artística

Direção e produção Gaya de Medeiros Cocriação e interpretação Ary Zara, Lari Nalini(Labaq), Passarumacaco(Kali), Gaya de Medeiros, Eríc Santos e Jo Bernardo Dramaturgia Keli Freitas Direção musical Lari Nalini Administração Financeira Marta Moreira Desenho de Luz e Espaço Cênico Tiago Cadete Técnico de Luz Luisa L'Abbate Produção executiva Carol Goulart Gestão Irreal Apoio Espaço Alkantara Co-produção Bolsa de Criação O Espaço do Tempo, com o apoio do BPI e da Fundação ”la Caixa”; TBA - Teatro do Bairro Alto

Gaya de Medeiros

Gaya de Medeiros (brasileira, 31 anos) é bailarina, diretora e produtora. Já trabalhou com diversos coreógrafos e já criou 3 trabalhos solo. Fundou a BRABA.plataforma a fim de viabilizar ações criativas direcionadas e protagonizadas por pessoas trans/não bináries. Interessada na pesquisa dos cruzamentos entre a palavra e o corpo, o privado e o público, o íntimo e o social, Gaya se pergunta sobre o lugar do drama na contemporaneidade.

Voltar ao inicio
This website is using cookies to provide a good browsing experience

These include essential cookies that are necessary for the operation of the site, as well as others that are used only for anonymous statistical purposes, for comfort settings or to display personalized content. You can decide for yourself which categories you want to allow. Please note that based on your settings, not all functions of the website may be available.

This website is using cookies to provide a good browsing experience

These include essential cookies that are necessary for the operation of the site, as well as others that are used only for anonymous statistical purposes, for comfort settings or to display personalized content. You can decide for yourself which categories you want to allow. Please note that based on your settings, not all functions of the website may be available.

Your cookie preferences have been saved.