Ir para o conteúdo

Conteúdo principal

O Espaço Alkantara está encerrado

Reabrimos em julho

ALKANARA - O Espaço Alkantara está encerrado - ©Joana Linda
@ Joana Linda
  • 02.03 — 01.07 2022

No início de 2022, olhámos seriamente para o estúdio do Espaço Alkantara com as equipas técnicas e o arquiteto que nos têm acompanhado nos últimos anos.

Percebemos que enquanto preparávamos a construção de um novo edifício (planos que incluem melhorias estruturais no edifício existente), o estúdio foi-se tornando um lugar desconfortável e pouco seguro para trabalhar. As canalizações de água e de esgoto que passam pelo estúdio precisam de ser substituídas. As placas de esferovite que usamos para nivelar o piso de cimento já não cumprem a sua função. Parte das paredes está a desmoronar, o que torna impossível manter o espaço limpo. Embora seja fresco no verão, o estúdio é muito frio no inverno. Grande parte do nosso equipamento técnico está armazenado fora do Espaço Alkantara, tornando-se pouco prático para as equipas artísticas em estúdio. A ausência de camarins obriga a que cedamos os nossos escritórios no andar de cima sempre que há eventos públicos.


Depois de sucessivos atrasos (lê em baixo a história completa), ficou claro que o novo edifício terá de esperar por uma melhor estratégia de financiamento e condições mais favoráveis do mercado de construção. Para podermos continuar a trabalhar no estúdio existente precisamos de parar e lidar com os canos, pisos e paredes danificadas.


Decidimos por isso fechar durante seis meses em 2022. Estamos a negociar com os nossos parceiros da Câmara Municipal de Lisboa a possibilidade de aplicar o financiamento existente na renovação do estúdio do Espaço Alkantara. Esperamos reabrir em julho com uma residência e estreia de Gaya Medeiros com o espetáculo Atlas da Boca, que teve a sua ante-estreia o ano passado no Alkantara Festival/TNDMII.


Até lá continuamos a trabalhar nas formações do programa PISTA online, com os nossos parceiros Polo Cultural das Gaivotas | Boavista/ Loja Lisboa Cultura, nas residências artísticas do programa em Trânsito nos Estúdios Vitor Córdon, na produção na nova peça da Vânia Doutel Vaz com residências marcadas nos próximos meses em Nova Iorque, Montemor-o-novo e Paris e no Alkantara Festival 2022 que acontece de 11 a 27 de novembro de 2022.

A HISTÓRIA COMPLETA

O Espaço Alkantara é um prédio histórico localizado na Rua Marquês de Abrantes 99, no bairro de Santos, Lisboa. O prédio foi cedido pela Câmara Municipal de Lisboa à associação em 2007, e é há mais de uma década o seu centro de operações.


Desde 2017 que planeamos a renovação da parte degradada do edifício.

O plano, projetado por nosso arquiteto de longa data Jordi Fornells (Voar Aquitetura), é criar um novo estúdio em parte do pátio e transformar o estúdio existente em espaço de armazenamento, escritório e outro espaços multiuso. (Vê aqui os pormenores da reforma do edifício em 2007, também projetada por Jordi Fornells).

Em abril do mesmo ano, no decorrer do Alkantara Festival 2018, iluminámos os escombros na festa de lançamento do festival e apresentámos o espetáculo Lo único que necessita un gran actriz es un gran obra y las ganas de triunfal, de Vaca 35, sob a laje de cimento restante.


Durante o ano seguinte aguardámos a aprovação da Câmara para iniciar a construção. E quando esta finalmente chegou em julho de 2019, a laje de cimento restante não estava estruturalmente sólida e era imprópria para construção. Decidimos então demolir toda a estrutura existente e consolidar as paredes externas. A partir daí fizemos planos para um prédio totalmente novo. Em dezembro apresentámos o plano alterado ao município. O plano foi aprovado em setembro de 2020 com uma solicitação adicional de documentos técnicos. E em abril de 2021 tivemos a aprovação total.


Nos meses seguintes contactámos mais de duas dezenas de construtoras. Apenas uma concordou em enviar orçamento, e este era quatro vezes o valor que temos disponível. Nesse período de tempo dotámos o espaço exterior de sombras, recebemos artistas em residência e projetos como o Kilombo e a rede Terra Batida, que fizeram bom uso do pátio.

Durante o Alkantara Festival 2021, o Espaço Alkantara foi a casa da rede Terra Batida, com um programa de espetáculos e festas.

No início de 2022 olhámos para as condições do estúdio do Espaço Alkantara, juntamente com as equipas técnicas e o arquiteto que nos acompanha. Concluímos que as canalizações de água e de esgoto que passam pelo estúdio precisam de ser substituídas, e que as placas de esferovite que usamos para nivelar o piso de cimento já não cumprem a sua função. Parte das paredes está a desmoronar, o que torna impossível manter o espaço limpo. Embora seja fresco no verão, o estúdio é muito frio no inverno. Grande parte do nosso equipamento técnico está armazenado fora do Espaço Alkantara, tornando-se pouco prático para as equipas artísticas em estúdio. A ausência de camarins obriga a que cedamos os nossos escritórios no andar de cima, sempre que há eventos públicos.


Depois de sucessivos atrasos (lê em baixo a história completa), ficou claro que o novo edifício terá de esperar por uma melhor estratégia de financiamento e condições mais favoráveis do mercado de construção. Por isso, de forma a poder continuar a trabalhar no estúdio existente precisamos parar e lidar com os canos, pisos e paredes danificadas.


Decidimos por isso fechar durante seis meses em 2022. Estamos a negociar com os nossos parceiros da Câmara Municipal de Lisboa a possibilidade de aplicar o financiamento existente na renovação do estúdio do Espaço Alkantara. Esperamos reabrir em julho com uma residência e estreia de Gaya Medeiros com o espetáculo Atlas da Boca, que teve a sua ante-estreia o ano passado no Alkantara Festival/TNDMII.

Voltar ao inicio
This website is using cookies to provide a good browsing experience

These include essential cookies that are necessary for the operation of the site, as well as others that are used only for anonymous statistical purposes, for comfort settings or to display personalized content. You can decide for yourself which categories you want to allow. Please note that based on your settings, not all functions of the website may be available.

This website is using cookies to provide a good browsing experience

These include essential cookies that are necessary for the operation of the site, as well as others that are used only for anonymous statistical purposes, for comfort settings or to display personalized content. You can decide for yourself which categories you want to allow. Please note that based on your settings, not all functions of the website may be available.

Your cookie preferences have been saved.